Música para Trabalhar.

Faça parte da maior associação de música e artes do brasil

ASSOCIE-SE

Faça parte da maior associação de música e artes do brasil


ASSOCIE-SE PESQUISA DE OBRAS CADASTRO DE OBRAS ISRC
VOLTAR

Música para Trabalhar.

Prática cada vez mais comum em tempos de home office, reúne vários benefícios.

Se você é responsável e tem o privilégio de escolher, provavelmente ainda está trabalhando de casa. Desde o início da pandemia viemos falando do poder que a música tem em ajudar neste momento delicado (veja mais aqui), assim como também é uma ótima alternativa de atividade para se praticar com o tempo extra que o isolamento proporciona (veja mais aqui).

Porém, quarentena à parte, o fato é que a vida continua, assim como o trabalho e outras obrigações. Neste modelo imposto e às pressas de home office, muitos desafios e adaptações se apresentaram, mas também vantagens.

Entre elas está a oportunidade de se ouvir mais música. É claro! Quem disse que não dá para ouvir música e trabalhar? Em um escritório tradicional, cheio de outras pessoas, a prática é quase impossível. Mesmo com a opção dos fones de ouvidos, nem sempre é bem visto pelos colegas e superiores. Já em casa, além da possibilidade existir, ainda traz várias vantagens, que vamos listar agora. 

  • Já sabemos como a música agem em nossos cérebros (veja mais aqui), trazendo um bem-estar físico e mental. Nesta nova e complicada rotina de trabalho ela ajuda a aliviar a ansiedade e o estresse do novo cenário.
  • Na hora de focar em uma tarefa mais complexa, que demande mais atenção, a música clássica e instrumental são a pedida ideal. Suas batidas características ampliam a capacidade de raciocínio, tão importante na hora de montar e analisar aquela planilha sem fim.
  • Para a criatividade os estilos são outros. Se você quer aumentar a sua capacidade no uso desta incrível ferramenta de resolução de problemas, ouça música pop, pop rock e anos 80. Estes estilos ajudam o cérebro tanto a absorver melhor as informações, quanto lembrar delas, fundamentais para combinar o nosso repertório e ter aquele momento “eureka!”.
  •  Música também é alegria. Ao montarmos aquela playlist alto astral, carregamos nossos cérebros de dopamina, proporcionando a satisfação necessária na hora de fazer uma tarefa mais monótona. O neurotransmissor também nos deixa mais sociáveis, melhorando a forma como nos relacionamos com os outros. Quem está com os filhos em casa, ou enfrentando maratonas de vídeo chamadas, entende a importância disso.
  • A produtividade também é ampliada com a música. Os sons certos, envolventes e contagiantes, nos deixam em um estado de “flow”, um fluxo onde até as atividades se tornam mais atraentes e são realizadas com mais facilidade. No final do dia, além de estar mais feliz e relaxado, terá produzido mais e com uma menor taxa de erros.
  • Tem mais! Todo esse bom-humor e motivação, gerados ao longo do dia de trabalho, se mantém na hora de realizar outras tarefas fundamentais para o bem-estar na quarentena, como uma atividade física, ou encarar a cozinha para preparar as refeições

Resumindo… Como sempre soubemos, música é tudo de bom! É uma importante aliada para enfrentarmos os novos desafios e vencermos este período conturbado. Já deixe preparadas algumas playlists com os estilos ideais para o tipo de tarefa, ou área de atuação em que você trabalha. A duração da playlist também nos ajuda a medir e organizar a rotina do trabalho. 

Quando tudo melhorar e muitos voltarem aos escritórios, já pode pôr o assunto na pauta da primeira reunião de equipe. Está aí a próxima funcionária do mês, que tem tudo para conquistar uma vaga na sua empresa. Com um currículo desses, motivos não vão faltar!

SIGA-NOS NAS
REDES SOCIAIS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER