Concurso de Dramaturgia Feminina 2014

Faça parte da maior associação de música e artes do brasil

ASSOCIE-SE

Faça parte da maior associação de música e artes do brasil


ASSOCIE-SE PESQUISA DE OBRAS CADASTRO DE OBRAS ISRC
VOLTAR

Concurso de Dramaturgia Feminina 2014

 

 

 

 

 

dramaturgiafeminina2014 - Cabeçalho Edital

E D I T A L

*     *     *     *     *

Na Grécia Antiga, há 3.000 anos,
Hécuba apresentava a suas Troianas um modelo de Mulher:

Todos os bens que dão valor à mulher / eu me empenhava em praticar no lar de Heitor./
De início, há lugares que uma esposa,/ mesmo procedendo bem, só por freqüentar /
merece a acusação de não se dedicar à casa./ Longe de procurar lugares desse tipo /
eu ficava só no lar e tinha mil cuidados / para impedir que transpusesse suas portas /
a vil maledicência própria das mulheres./

Uma boca silenciosa, um rosto sempre sereno, 
eis o que eu oferecia a meu esposo.

Essa imagem de silêncio, repressão, passividade e submissão é o oposto da que, 20 séculos depois, a geração feminina dos anos 60/70 viria exibir, ao fazer de sua fala, de suas manifestações e de sua ação, uma outra forma, ativa e diversa, de estar presente no mundo.

O que traria grandes transformações não só na visão da figura feminina como em sua relação com o parceiro masculino e demais relações dentro da sociedade e da cultura. Transformações que iriam também, necessariamente, mudar sua expressão na cena que espelha sua ação neste mundo – o teatro.

Um desafio para os autores que buscavam retratar essa personagem e sua nova forma de ser e agir. Um desafio sobre tudo para as autoras que começavam a se expressar, a ser vistas e ouvidas, não mais faladas “por”, e sim “assumindo fala própria e diversa”.

A noção da Diferença viria a permear o discurso feminino e trazer um dado novo e revelador à riqueza da pluralidade, da diversidade e da troca que marcariam as décadas finais do século.

Conhecer, portanto, as autoras que as expressaram, com marca própria de visão e fala, é algo não só necessário e válido, como pode ser fecundo e gerador de novos rumos.

A partir dessas premissas, que estão entre os fundamentos permanentes de sua atuação na área sociocultural, o Projeto Anna Magnani, criado e coordenado por Maria Helena Kühner e aProAutores.com, nascida na Argentina que, desde 2010, está voltada para a promoção dos autores, de e em toda a América Latina, contataram-se à “La Scrittura della Differenza”.

Este evento nasceu em Barcelona (Espanha) em 1999, em colaboração com a SGAE (Sociedad General de Autores y Editores), estendeu-se à Itália, daí se ampliou a vários países da América Latina (abrangendo hoje 8 países), e é organizado pela Compagnia Teatrale Metec Alegre e dirigido pela dramaturga Alina Narciso.

E é dessa coincidência de objetivos que já resulta o Capítulo Brasil do Concurso de Dramaturgia Feminina 2014, aberto à participação de autoras de todo o Brasil, com a missão de difundir e promover, tanto no país quanto no exterior, as dramaturgas brasileiras.

Sem dúvida este Concurso, por sua importância e características,  marcará um importante acontecimento, desde o que aumentará a visibilidade da criação cultural de nossas autoras, projetando-as a futuros  eventos internacionais, bem como trazendo à cena sua temática, visão, realidade e linguagem, que serão objeto de uma programação multimídia (publicações, leituras, debates, veiculação em rádio etc.) de cunho e abrangência nacional.

  1. Premiação para a Ganhadora do Concurso:
  • Passagens aéreas (para ela e acompanhante) e estadia de três (3) noites, em Buenos Aires (ou Rio de Janeiro, se acaso).
  • Troféu e Diploma
  • Edição e publicação, gráfica e informatizada, de sua obra e correspondente difusão no Brasil e no exterior.
  • Inclusão da obra em um “Ciclo de Leituras Dramatizadas”, a ser realizadas com elenco profissional, em data a estabelecer.

Gravação em rádio, para veiculação da obra premiada em 96 emissoras públicas e 400 rádios comunitárias.

  1. Premiação para a Segunda e Terceira colocadas no Concurso:
  • Placa comemorativa e Menção Honrosa
  • Edição e publicação, gráfica e informatizada, de sua obra e correspondente difusão no Brasil e no exterior.
  • Inclusão das obras em um “Ciclo de Leituras Dramatizadas”, a ser realizadas com elenco profissional, em data a estabelecer.

Gravação em rádio, para veiculação das obras premiadas em 96 emissoras públicas e 400 rádios comunitárias.

  1. Premiação para as outras sete (7) classificadas:
  • Certificado de Classificação como Finalista
  • Inclusão das obras em um “Ciclo de Leituras Dramatizadas”, a ser realizadas com   elenco profissional, em data a estabelecer.

Gravação em rádio, para veiculação das obras premiadas em 96 emissoras públicas e 400 rádios comunitárias.

As premiações deste Concurso serão anunciadas publicamente na

VII Bienal Internacional de Dramaturgia Feminina

“La Scrittura della Differenza”

que ocorrerá na Havana – Cuba, de 8 a 15 de março de 2015

  1. Poderão participar obras teatrais originais, ou seja, não serão aceitas traduções nem adaptações. A temática é livre.Serão aceitas obras de qualquer gênero teatral (drama, comédia, monólogo, infanto-juvenil etc.etc.)

      5. Será aceita somente uma obra por autora, que a assinará com pseudônimo.

      6. As obras deverão ser apresentadas em papel tamanho A-4, fonte Arial corpo 12, espaço 1,5 e com duração prevista de 60 a 90 minutos.

  1. As autoras deverão enviar por correio registrado um envelope contendo:
  • Uma sinopse geral da obra.
  • Três (3) exemplares espiralados com páginas numeradas,
  • Um CD-rom com os textos da sinopse e das obras gravadas.
  • As autoras premiadas e as classificadas finalistas, deverão apresentar dentro dos quinze dias de notificadas, um documento -com firma reconhecida ante cartório- autorizando a que a sua obra possa ser amplamente divulgada, mencionando a identidade da autora. Esta divulgação poderá ser feita através de todos e qualquer canal que o Comitê Organizador achar conveniente, em forma isolada ou em conjunto, como mídia impressa, e-books, internet, rádios e televisão.
  • Eventual Montagens das obras – Se for de interesse mútuo as autoras premiadas e Comitê Organizador poderão encaminhar as obras para serem  encenadas, nas seguintes condições: Prazo – 1 ano * Avaloir R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) * Percentual de bilheteria 20% (vinte por cento).
  1. As autoras incluirão no envio dos três exemplares, um outroenvelope fechado, em cujo exterior consignará só seu pseudônimo e o título da obra apresentada.

No interior desse envelope deverão colocar os seguintes dados:

  • Nome e Sobrenome
  • Número de documento de identidade
  • CPF
  • Residência (rua, número, piso, apto., cidade e estado
  • Telefone fixo e/ou celular
  • e-mail
  • Um breve currículum vitae

Uma declaração jurada, de próprio punho e assinada, que garanta que a obra é inédita à data do encerramento do edital (30 de novembro de 2014), bem como que a mesma não viola qualquer propriedade intelectual existente, cujo conteúdo possa levar a uma ação judicial ou reclamação.

  1. Os três exemplares encadernados e o envelope fechado com os dados pessoais, deverão ser enviados por correio postal registrado, até o dia 30.11.2014 a:

Concurso de Dramaturgia Feminina
Rua Miguel Lemos, 114 / 902
22071-000 – Rio de Janeiro – RJ

O carimbo postal validará a data de recepção, caso a entrega se realize com posterioridade ao dia 30.11.2014.

  1. As autoras assumirão total responsabilidade perante qualquer reclamação por suposto plágio ou outro tipo de reivindicação, que possa ocorrer contra a organização do Concurso e/ou seus representantes legais.
  2. As obras apresentadas não serão devolvidas.
  3. O Júri, formado por três personalidades de gabarito, escolherá as dez (10) obras finalistas e, entre estas, as três (3) obras vencedoras.

Este Júri expedir-se-á no dia 16 de fevereiro de 2015.  Até que o Júri não conclua sua função, as peças apresentadas neste concurso não poderão ser encenadas nem apresentadas em outro concurso.

  1. Posteriormente, na presença de um tabelião, será realizada a abertura dos envelopes correspondentes, para conhecer e divulgar publicamente as identidades da Ganhadora do Concurso, das duas Menções Honrosas e das restantes finalistas.

A decisão do Júri será inapelável e qualquer circunstância não prevista nestas bases, será resolvida pelo Comitê Organizador.

  1. A participação neste Concurso, implica o conhecimento e aceitação de todas as cláusulas deste Edital e o compromisso de seu cumprimento.
  2. O ato de entrega dos prêmios ocorrerá durante o mês de abril de 2015 no lugar e dia a determinar. Os nomes das ganhadoras bem como das finalistas, serão publicadas no site www.proautores.com  e também em  www.facebook.com/proautores.

16. Para maiores informações, as participantes poderão entrar em contato com a Coordenadora do Concurso, Sra. Maria Helena Kühner, por e-mail: dramaturgia@proautores.com  ou pelo telefone: (21) 3025-2402

 

 

 

SIGA-NOS NAS
REDES SOCIAIS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER