VOLTAR

Versatilidade é com ele! Compositor líder em arrecadação, Renato Moreno conta sua história na Abramus

Moreno é autor de sucessos que foram tema de novelas e um dos mais requisitados atualmente no mercado

Você com certeza já ouviu “Correndo Atrás de Mim”, “Safadin”, “Não Largo, Não Troco, Não Empresto” e “Meu Coração deu PT” na TV ou nas rádios. O que pouca gente sabe é que esses sucessos de Aviões do Forró, Paula Mattos e Wesley Safadão têm como compositor a mesma pessoa: Renato Moreno.

Nascido no Rio de Janeiro, mudou-se para Fortaleza ainda jovem, onde mora até hoje, e vive a intensidade da vida cearense. “Acredito que a música do Nordeste hoje seja uma das maiores potências e em evolução, com um intercâmbio muito grande entre compositores da região com todo Brasil”, afirma o compositor, que é um dos maiores arrecadadores de direitos autorais da atualidade.

Ele ainda reflete sobre a proximidade que a nova filial Abramus na cidade traz aos compositores da região. “É fundamental. Você se sente mais valorizado, espero que leve a todos os novos compositores o conhecimento e a transparência que é fundamental para uma parceria de sucesso”, pensa Moreno. Confira o papo completo!

 

Como surgiu seu interesse pela música?

Sou filho de músico e desde de pequeno vivia no meio musical, aos 15 comecei a trabalhar em loja de CDs, foi quando surgiu o convite dos amigos Junior e Leonardo que assinaram com a Sony e me pediram pra compor alguma coisa pra eles. Na época levei na brincadeira, mais dali em diante minha vida mudou completamente, e a brincadeira continua até hoje, só que agora virou coisa séria (risos).

 

Quais foram suas maiores influências?

Eu sempre amei música e sempre escutei de tudo, de Roberto Carlos a Michael Jackson, que é meu maior ídolo na música. Como trabalhava em loja de discos, passei 15 anos da minha vida ouvindo de tudo um pouco, e isso contribuiu demais para minha diversidade musical hoje em dia. Você compõe e tem sucessos em diversos gêneros musicais, como surgem estas criações diferentes? Você já pensa no estilo musical que vai compor? Vem muito dessa experiência musical que tive. Gosto de compor muito sobre o dia a dia, temas mais comerciais, o mais importante hoje em dia é o tema que pode virar qualquer estilo. Com essa mistura musical que o mercado atravessa, o importante é a música ser boa, assim se encaixa em qualquer segmento.

 

Qual o sucesso você acha foi mais importante para sua carreira?

Tenho algumas músicas importantes, a primeira que foi “De Baile em Baile”, com Mcs Jr e Leonardo, depois “Mauricinho”, que gravei com saborear. Aí vem “Obsessão” que foi febre com Sacode e é até hoje uma das mais tocadas. Mas duas são muito especiais: “Correndo Atrás de Mim”, com Aviões do Forró, tema da novela Avenida Brasil que passou em mais de 200 países e “Safadin”, tema da novela A Regra do Jogo, ambas pela Rede Globo, e com mais de 15 regravações nacionais.

 

Você teve a música “Correndo Atrás de Mim” como tema de novela e foi um grande sucesso no Brasil todo. Você pode nos contar sobre a criação desta música e como ela chegou na novela?

Essa música na verdade foi gravada anteriormente pela banda Casadões do Forró. Três anos depois surgiu o convite da Rede Globo através do Aviões e do amigo Alessandro Bomfim, que me mandou a sinopse da novela. Quando li a história da personagem vivida por Isis Valverde, que deu vida a Suelen, percebi que não precisa começar do zero uma nova música, eu tinha ela prontinha. Enviamos a direção da novela e, dias depois, veio a grande notícia, que é o sonho de todo compositor, ser tema de uma novela das 9 da Rede Globo. Nunca esteve nos meu sonhos (risos), mas Deus me deu de presente e foi esse sucesso todo que o Brasil e o mundo conheceu.

 

Você é um dos maiores arrecadadores de direitos autorais e tem muitas composições gravadas por diversos artistas. Você acompanha a arrecadação dos seus direitos autorais, acompanha o  trabalho da Abramus?

Com certeza acompanho e agradeço tudo que fazem por mim e a minha obra, é uma parceria fundamental. Eu, que já fui de outras associações, estou muito feliz com o trabalho que vem sendo feito e os que ainda serão também. O mercado hoje anda numa velocidade absurda e a Abramus acompanha essa evolução, isso é fundamental não só para mim, como para todos os associados.

 

Como você vê a música do Nordeste no mercado hoje?

Acredito que hoje seja uma das maiores potências e em evolução, com um intercâmbio muito grande entre compositores do Nordeste com todo Brasil. E quem ganha com isso é a musica e os artistas que ganham grandes histórias, e consequentemente sucessos que conquistam o Brasil e o mundo.

 

Qual a importância da Abramus ter uma filial em Fortaleza?

Fundamental, porque é muito importante saber que quem cuida da sua obra está ali por perto para você tirar dúvidas, trocar ideias e até para melhorar mais ainda a parceira. Você se sente mais valorizado, espero que chegue a outros estados também e leve a todos os novos compositores o conhecimento e a transparência que é fundamental para uma parceria de sucesso. É uma honra fazer parte dessa família.

 

Entrevista: Priscila Perestrello

SIGA-NOS NAS
REDES SOCIAIS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER